Buscar
  • Alexandre Costa

COMITÊ EM DEFESA DEMOCRACIA PUBLICA NOTA DE APOIO AO MOVIMENTO DOS ENTREGADORES DE APLICATIVOS


O Comitê em Defesa da Democracia e do Estado Democrático de Direito vem a público manifestar seu apoio ao movimento dos trabalhadores de aplicativos por melhores condições de trabalho.

As inovações tecnológicas, com a criação de empresas que prestam serviços por aplicativos, têm gerado intensas e injustas modificações nas relações de trabalho. No entanto, não foi estabelecida até agora uma regulamentação capaz de retirar da condição de desamparo um grande e crescente contingente de trabalhadores.

Com longas jornadas e baixa remuneração; sem vínculos empregatícios reconhecidos; sem auxílio para os gastos com o veículo próprio utilizado no trabalho, inclusive em caso de acidente durante a jornada; sem equipamentos de proteção individual e cobertura de pagamento em caso de doença e sem garantias previdenciárias, os entregadores de aplicativos estão realizando uma paralisação geral nesse dia primeiro de julho por melhores condições de trabalho.

Dentre as reivindicações, estão o aumento do valor das corridas e pacotes e o aumento da taxa mínima por entrega; o seguro contra roubo, de acidente e de vida; o auxílio pandemia (EPI e licença); o fim dos bloqueios e desligamentos arbitrários e da pontuação.


FOTO: Volnei Piccolotto

A gravidade da situação de desamparo dos trabalhadores de aplicativos levou o Comitê em Defesa da Democracia e do Estado Democrático de Direito a estabelecer o tema "Uberização, precarização e flexibilização do trabalho" para seu encontro virtual de “Debate de Conjuntura Econômica”, a ser realizado no dia 10 de julho próximo. O debate contará com a participação de pesquisadores e estudiosos do assunto e de um representante do movimento dos entregadores de aplicativos.

Tendo como bandeira central a defesa da democracia, o Comitê reafirma o compromisso assumido em sua fundação com um modelo de desenvolvimento do país com inclusão social, capaz de gerar empregos e proteger os trabalhadores, e, coerentemente com esse compromisso, manifesta publicamente seu apoio ao movimento dos entregadores de aplicativos.

TODO APOIO AO MOVIMENTO DOS ENTREGADORES DE APLICATIVOS! NO DIA PRIMEIRO DE JULHO, NÃO PEÇA ENTREGAS POR APPs!


0 visualização